Os seis ingredientes para recuperar sua empresa
Notícias

Listamos sete passos para colocar um negócio no rumo depois de passar por momentos turbulentos; consultoria empresarial pode auxiliar no processo de recuperação

O índice de falências empresariais cresceu 16,7% em 2016 na comparação com o mesmo período de 2015, e as recuperações judiciais aumentaram 70%, conforme os dados da Serasa Experian. As razões principais razões são o mau momento vivido pela economia do Brasil, que interfere na inadimplência e nos índices de confiança do consumidor. Em um cenário desfavorável, listamos 6 passos para sair da crise e garantir a proteção patrimonial do seu negócio.

1 – Estabilize a crise

Tome as rédeas do seu negócio, especialmente na gestão do Caixa, na redução de custos e observando atentamente os ativos e os financiamentos, em especial os de curto prazo. Passe a investigar os motivos por trás da crise, buscando identificar a origem e a forma mais adequada de lidar com o problema. Neste momento, se houver necessidade, pode ser necessário fazer mudanças em cargos empresariais, sobretudo nos executivos e diretores de confiança. Uma consultoria empresarial, como a Jaworski, costuma tornar esse processo mais simples.

2 – Garanta apoio

A comunicação tem um papel decisivo neste momento. Todos os colaboradores e interessados na empresa devem estar imbuídos de um mesmo objetivo: enfrentar a crise e, mais do que isso, garantir que a empresa tenha um futuro saudável. Por isso, é preciso ser transparente na comunicação sobre o andamento empresarial para garantir motivação e compromisso para todos os momentos.

3 – Estratégia

Talvez haja necessidade de redesenhar as estratégias de negócio, redefinindo o negócio principal da empresa, ingressando em novos mercados, lançando novos produtos e incrementando a gestão dos ativos. Nesse contexto, pode ser que, em alguns setores, a terceirização surja como uma alternativa para que os investimentos e esforços sejam focados nos aspectos mais importantes.

4 – Mudanças organizacionais

Com as adequações estratégicas, a empresa pode exigir mudanças organizacionais, seja com a contratação de novos colaboradores, a retomada de serviços que estavam terceirizados, o investimento em novas ferramentas de comunicação, entre outras. Todas essas modificações devem estar alinhadas ao novo foco empresarial.

5 – Alavanque seus processos

Mais qualidade dos produtos, melhoria da experiência do consumidor, otimizações de custos, investimento em sistemas de controle, aumento das vendas e melhoria da comunicação e imagem... Todos esses processos serão necessário para que a empresa não só saia da crise, mas se mantenha saudável, garantindo sua proteção patrimonial.

6 – Reestruturação financeira

Com a situação mais confortável, procure refinanciar suas dívidas e reduzir os seus ativos, garantindo mais segurança e tranquilidade na gestão empresarial. Depois de passar por todo esse processo, a proteção patrimonial do seu negócio estará assegurada.

Um processo como esse pode levar tempo e necessitar da expertise de uma consultoria empresarial. Entre em contato com a Jaworski para tirar suas dúvidas.